quinta-feira, 6 de outubro de 2011

Cromoterapia

É possível a cura de problemas orgânicos e emocionais através do uso das cores
O estudo das cores nos tratamentos de saúde é relativamente recentes. Prova disto, é que não existe registro histórico sobre a cromoterapia como técnica ou uma arte terapêutica bem organizada como acontece, por exemplo, com a fitoterapia (cura através de ervas), ou a hidroterapia, (tratamento através da água). Na história da medicina, há apenas algumas formas isoladas de aplicações terapêuticas de uma ou outra cor, além de citações vagas e distantes, senão raras.  Nos últimos trinta anos é que a cromoterapia vem se desenvolvendo mais organizadamente, graças à evolução da tecnologia e da ciência. Hoje já existem trabalhos muito interessantes sobre o assunto desenvolvidos por grupos não exatamente ligados à medicina natural, mas sim a universidades, faculdades de psicologia, grupos de parapsicologia e psicotrônica. A União Soviética é pioneira neste campo e seus cientistas tem utilizado de forma regular as cores como um método de tratar problemas orgânicos e emocionais. Os adeptos da medicina natural tem muita simpatia pela cromoterapia e existem vários médicos naturalistas, inclusive no Brasil, que costumam aplicá-la com sucesso. Alguns deles não hesitam em considerar a cromoterapia como parte importante da medicina do futuro, devido a sua simplicidade, facilidade de aplicação e eficácia.
Como as cores funcionam        
Ninguém duvida que as cores exerçam uma influência específica, cada uma a seu modo, nas pessoas, nos animais, e até mesmo nas plantas. Existem estudiosos que admitem uma espécie de campo vibratório emitido por cada uma das cores e suas tonalidades.Esse campo determina ria a sua influência  através da modificação do padrão vibratório molecular do campo energético do ser vivo. Isso explicaria o fato de a cor influenciar e modificar até pessoas com olhos vendados, sem contato visual com o padrão colorido. Os animais e as plantas estariam na mesma situação.

Nenhum comentário:

Remédio para bronquite (cultura indígena)

1 lasquinha de casca de angico 3 pontas de ramos de marcela grega 1 garrafa de cachaça Todos os ingredientes devem ser misturados numa g...